Quebra de Linha – Regina Guimarães e Paulo Ansiães Monteiro

«Eu sei – como não sabê-lo? – que o fio da escrita

não vale um fio de voz. Fonte e ponte. Entre monte

e monte. Entre vale e vale. Entre fala e falha. Interdição

do hiato. Quebra de linha mas assombrosa continuidade

do sentido tido como geral. O pequeno

anjo não larga a arma que roubou à virgem. Arma

ou mama, arma E mama. Quebra.»

douda correria#36
Quebra de Linha – Regina Guimarães escreveu e Paulo Ansiães Monteiro desenhou

(apoio de Joana Pires)

12473799_1747513275485343_7255505217842794776_o

 

Lançamento- Porto/Contrabando

Lançamento em Lisboa-Bar irreal

Jornal Sol – Diogo Vaz Pinto

quebra de linha

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s