O Espelho Invertido (e outro texto) – Joana Manuel

“[…]
Tenho muitos amigos que já saíram ou estão em vias de sair.
Tenho amigos que foram completar a sua formação no estrangeiro e queriam voltar, mas não conseguem. Outros regressam, contra tudo e contra todos. E contra todas as probabilidades de conseguirem construir uma vida mais estável, mais rica, mais vida que a dos seus pais. Eu, lá está, olho em volta e sou privilegiada. Continuo a comer todos os dias. Continuo a ter um tecto. E continuo a passar recibos, embora seja cada vez mais difícil cobrá-los. Mas continuo, quinze anos depois de ter começado a trabalhar.
[…]”

douda correria#32
O Espelho Invertido (e outro texto) – Joana Manuel
(capa de Beatriz Bagulho / composição por Joana Pires)

12695709_10208332711493796_966656135_n

 

Imprensa

O QUE ANDO A LER | por Cristina Peres | Jornal Expresso:

“Releio, depois de ter lido e ouvido, O Espelho Invertido (e outro texto), um livrinho deliciosamente ilustrado, de leitura rápida e digestão demorada e obrigatória, que a Douda Correria acaba de editar da autoria da Joana Manuel. Quem é a Joana Manuel? É cantora, atriz, ativista política… e é também a autora de Espelho Invertido, o texto original que foi lido na conferência nacional Em Defesa de um Portugal Soberano e Desenvolvido (Faculdade de Ciências, 2013) e cujo vídeo se tornou viral. O segundo texto que consta no livrinho resultou da participação da Joana Manuel no Debate Portugal. E o Futuro?, convidada por mim e pelo Pedro Santos Guerreiro em 2014, para comemorar e debater os 40 anos do 25 de abril no Teatro S. Luiz. Perguntávamos na altura: o futuro é revolucionário ou reacionário? A Joana respondeu com Terra, o desequilibrismo disto tudo…”

joana manuel

 

Joana Manuel nasceu em Oeiras em 1976, licenciou-se em canto na Escola Superior de Música de Lisboa, foi membro do Coro Gulbenkian durante oito anos, mas depois meteu-se nos teatros e nunca mais saiu. No meio dessa mistura tem trabalhado como performer, co-criadora e/ou preparadora vocal, com Fernando Gomes, Ricardo Pais, Caroline Petrick, Sérgio Godinho, Olga Roriz, Giorgio Barberio Corsetti, Nuno M Cardoso, Nuno Carinhas, Fernanda Lapa, Victor Hugo Pontes, JP Simões, Mickaël de Oliveira, Kevin Blechdom, Rui Galveias, Teatro Cão Solteiro e Teatro Praga, e como professora na Escola Superior de Música de Lisboa, na Academia INATEL e na Universidade de Évora. Pelo meio metem-se também participações em televisão e cinema, dobragens, locuções e narrações, a banda Fungaguinhos (para a bicharada) e duas encenações para o estúdio de ópera do Instituto Gregoriano de Lisboa: Dido and Aeneas, de Henry Purcell, e Venus and Adonis, de John Blow. Em 2016 teve a sorte de encontrar o Nuno Moura, que lhe quis editar dois textos na boa companhia da Douda Correria. E por aí anda, portanto, O Espelho Invertido e Outro Texto, com uma capa linda da Beatriz Bagulho. Gosta de ler em voz alta. E em voz baixa também.

Joana Manuel.jpg

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s